RACIONALISMO CRISTÃO - 47

IGNORANDO A ESPIRITUALIDADE

Desde que o Racionalismo Cristão foi fundado, afirmam as Forças Superiores que "o maior mal da humanidade é a ignorância", e isso é um fato. O maior mal da humanidade é viver na ignorância do espírito. O ser ignorante assemelha-se ao diamante arrancado das entranhas da Terra e que ainda possui aquela crosta que o envolve e que, portanto, ofusca o seu brilho, e conseqüentemente, o seu valor. O diamante tem valor, mas só transparece o brilho após uma lapidação aprimorada. Aí, então, sim, a sua beleza, o seu brilho e o seu valor aparecem, e passa a ser admirado por todos.


Pois, meus amigos, o ser humano ignorante é a mesma coisa. O seu espírito só passará a ter brilho e verdadeiro valor quando for esclarecido, quando se conhecer como Força e Matéria, quando conhecer os porquês da vida do espírito. Aí, então, sim, ele começará a dar um rumo mais certo e mais seguro à vida. Passará a raciocinar com mais acerto, saberá guiar os seus pensamentos, orientando-os para o lado do progresso, saberá conduzi-los para coisas superiores, saberá, enfim, quanto vale o pensamento. Portanto, continuamos a afirmar que o maior mal da humanidade é viver na ignorância.


Há necessidade de se falar ao espírito, para que desperte, para que deixe de ser infeliz, muitas vezes, justamente, por não encontrar quem lhe diga a verdade. A vida na Terra não é tão difícil; ela se torna difícil, porque o ser humano não sabe guiar os seus pensamentos, não procura raciocinar, não procura despertar o espírito, só enxerga as coisas materiais, acomoda-se a tudo, prefere ir para os templos e prosternar-se diante dos chamados deuses a implorar para que a desgraça não lhe venha cair nas mãos, mas não procura fazer o menor esforço mental, simplesmente, porque é ignorante da verdade.


É preciso espantar as trevas da ignorância humana, pois, enquanto a humanidade assim viver, sofrerá as conseqüências da sua própria ignorância. O número de criaturas sensatas e esclarecidas é bem reduzido em comparação com o da ignorância que paira por toda a parte. O número dos esclarecidos ainda é bem reduzido para espantar as trevas da ignorância com mais rapidez. Tudo temos feito para ir aonde é possível, onde nos possam oferecer um pouco de ambiente para podermos espantar as trevas da ignorância dessas criaturas que tinham e têm obrigação de saber falar às massas com mais lealdade, e nós não negamos a esses seres cultura, mas são uns infelizes, espiritualmente falando, porque se acomodam a uma vida de prazeres, a uma vida de luxo e não procuram raciocinar, não procuram educar os seus pensamentos.


Precisamos de criaturas esclarecidas para nos auxiliarem a espantar as trevas da ignorância, porque estão se alastrando para pior. Através das nossas explanações distribuídas por toda parte, por todas as Casas Racionalistas, as criaturas ao serviço da Doutrina se integram bem nos seus deveres e procuram nos auxiliar, para que possamos ir aonde é preciso, para que de alguma forma possamos abrir uma brecha luminosa na mente dos homens, para ver se eles, ainda podem evitar maiores desgraças no planeta Terra, pois o que esses infelizes estão procurando é urdir maiores desgraças.


É, portanto, um infeliz o ser humano quando possui cultura e não emprega a cultura, o estudo para o lado bom, para o lado do raciocínio sobre a vida do espírito, porque, se o fizesse, por momentos que fosse, ele seria intuído e de alguma forma seria útil aos demais. E o Astral Superior, que não perde uma única oportunidade, lá estaria para limpar o ambiente, para intuir, para o muito que há a fazer em bem da humanidade. Mas esses infelizes não nos oferecem um momento sequer, e terão que sofrer as conseqüências do mau uso que fazem do livre-arbítrio.


Contamos, portanto, repetimos, com todos os que trabalham no Racionalismo Cristão e que são esclarecidos, que possuem tudo que é preciso para viver neste mundo, para que, cada um no seu setor, não percam a oportunidade de falar a verdade, pela maneira mais prática possível, pelo caminho mais curto do dever, para que raciocinem e se esclareçam, incutindo nos seus espíritos a necessidade de estudarem e de investigarem para que de alguma forma despertem e cheguem à conclusão de que o caminho mais curto e seguro para o progresso do seu espírito é justamente o do esclarecimento, procurando saber o quanto vale o pensamento para bem viver neste mundo. Sede lutadores destemidos, elevai sempre os vossos pensamentos às alturas e estaremos fortificando o vosso espírito.

TODAS AS PÁGINAS DO LIVRO

 1- A ARTE DE VIVER
 2- A CONDUTA E A LEI DO RETORNO
 3- A INDIFERENÇA
 4- A MENTIRA NÃO AJUDA AO PROGRESSO
 5- A MULHER
 6- A PAZ ESPIRITUAL SUPERA REVESES
 7- AJUDANDO UNS AOS OUTROS
 8- ANIMAL HUMANO
 9- ÂNIMO E VONTADE FORTES
10- ÂNIMO PARA VIVER
11- APRENDER A VIVER
12- AUSÊNCIA DE COMPREENSÃO
13- AUTOCORREÇÃO
14- CAMINHOS SEM SEGREDOS
15- CARÁTER DAS CRIANÇAS
16- CAVALHEIRISMO
17- CLARIVIDÊNCIA
18- CONHECER PARA NÃO TEMER
19- CONSTRUINDO A FELICIDADE
20- CONSTRUIR OU DESTRUIR A FELICIDADE
21- CRÍTICA DESAIROSA
22- CUIDEMOS DEVIDAMENTE DA CRIANÇA
23- CULTIVO DOS SENTIMENTOS
24- CURA DE OBSEDADOS
25- CURANDO A OBSESSÃO
26- DIVERSÃO PERIGOSA
27- DOMINANDO O GÊNIO
28- DOMÍNIO DO "EU"
29- DUAS VIDAS
30- EDUCAÇÃO E DECADÊNCIA
31- EDUCAÇÃO FALHA
32- EDUCAR OS SENTIMENTOS
33- EGOÍSMO E AUTORITARISMO
34- EGOÍSMO, FONTE DE SOFRIMENTOS
35- ENERGIZAR
36- EQUILÍBRIO TRAZ TRANQUILIDADE
37- ERROS DESCULPÁVEIS
38- ESCLARECER-SE PARA SER FELIZ
39- ESPIRITUALIZAÇÃO, ÚNICA VIA PARA A FELICIDADE
40- EVITANDO FRACASSOS
41- EVOLUÇÃO SEM MEDO
42- EXERCÍCIO DO LIVRE-ARBÍTRIO
43- FALAR AOS ESPÍRITOS
44- GRAUS DE ESPIRITUALIDADE
45- IGNORÂNCIA DA VERDADE
46- IGNORÂNCIA E CONFIANÇA
47- IGNORANDO A ESPIRITUALIDADE
48- IMPORTÂNCIA AO QUE IMPORTANTE É
49- IMPORTÂNCIA DA FAMÍLIA
50- IMPORTÂNCIA DA PSICOLOGIA
51- MALES PSÍQUICOS
52- MUDANÇA DE HÁBITOS
53- O CAPRICHO
54- O LIVRO DO TEMPO
55- ORIENTAR SEM COAÇÃO
56- PENSAMENTO, ALAVANCA DO SUCESSO
57- PERSONALIDADE ESPIRITUAL
58- REAGINDO AOS SOFRIMENTOS
59- SER ESPIRITUALISTA
60- VENCENDO OBSTÁCULOS
61- VÍCIO DE RELIGIOSIDADE
62- VIVER COM REALISMO

FONTE DO TEXTO ACIMA

LUIZ DE MATTOS - CLÁSSICOS DO RACIONALISMO CRISTÃO - Volume 1 - 2ª edição - Centro Redentor - Rio de Janeiro - 2001.
Outras obras do Autor: Pela Verdade, 9ª ed. - Vibrações da Inteligência Universal, 9ª edição.

PLANO DO TRABALHO

A obra Clássicos do Racionalismo Cristão tem por objetivo reunir os trabalhos de Luiz de Mattos, Luiz Alves Thomaz e Antonio Cottas, respectivamente, fundadores e consolidador da Doutrina. O Centro Redentor editará volumes sucessivos, sendo que os iniciais da série conterão os pronunciamentos de Luiz de Mattos, codificador doutrinário do Racionalismo Cristão.

O AUTOR DESTE WEBSITE

Busco oferecer neste sítio uma variedade abrangente de textos espiritualistas salutares e edificantes, de várias fontes, para que todos tenham a oportunidade de enriquecer e ampliar a sua cultura e desenvolver a consciência, mediante a sintonia com idéias e ensinamentos elevados. Concordo com muitas das idéias apresentadas mas não necessariamente com todas.



Sorria ao acordar
e antes de dormir!

Muito obrigado pela visita,
veja sempre as novidades!








Google
 
Web www.eurooscar.com










Se não vê à esquerda o menu
rolante do site, clique aqui.

If you do not see the left
scrolling menu, click here.






Home