Wagner Borges 146



Dez Toques Espirituais do Mestre Aivanhov





Por Wagner Borges

"Meditar na luz é um dos melhores exercícios espiritualistas. Quando meditarem, porém, deixem de lado todas as preocupações. Concentrem-se na luz como se toda a sua vida dependesse dela. Podem imaginar esta luz colorida, mas é preferível imaginá-la branca, porque o branco é a síntese de todas as cores, e contém em si a onipotência do violeta, a paz e a verdade do azul, a riqueza e a eterna juventude do verde, a sabedoria e o conhecimento do amarelo, a saúde e o vigor do laranja, a força e o dinamismo do vermelho.


Quando souberem realmente se concentrar na luz, quando a perceberem como uma existência que vibra, que pulsa, onde tudo é paz e plenitude, começarão a sentir que ela é também música.


Aquela música das esferas, o canto de tudo aquilo que existe no universo e, ao mesmo tempo, respirarão os eflúvios perfumados que emana. Não existe trabalho mais bonito e mais poderoso do que o trabalho com a luz."

* * *

O intelecto negligencia, despreza e até trabalha contra valores morais, os valores do coração, ao invés de apresentá-los, explicá-los e glorificá-los. E, no entanto, o mundo moral representa as raízes do intelecto, que lá estão para alimentá-lo, fortificá-lo e fazê-lo crescer. Separado de suas raízes, o intelecto perde seu vigor porque não consegue arrumar alimento sozinho. É por isso que, presentemente, ele está falhando em sua missão. Considerando que o coração - o mundo moral - representa as raízes, o intelecto, então, representa os galhos, folhas, flores e frutos. É verdade que o intelecto desabrocha maravilhosamente, ele é um esplendor, mas sem suas raízes, torna-se como um galho seco. O intelecto precisa do coração para poder expressar-se em sua totalidade.

* * *

"A natureza é viva e devem respeitá-la. Vocês me dirão: ‘Não vejo como o meu respeito pode mudar alguma coisa na natureza. ’ Admitamos então, que não mude nada, mas façam ao menos por vocês. Se estiverem atentos em relação às pedras, às plantas, aos animais, aos seres humanos e também em relação aos objetos que estão ao seu redor, a sua consciência se desenvolve, se amplifica e os enriquece de toda a vida que respira e vibra em torno de vocês.


Enquanto não tiverem entendido isto, não se maravilharão e continuarão se sentindo irrequietos, desorientados e vazios. Para sair desta situação, pensem que estão ligados às forças e às entidades luminosas da natureza e que vocês podem estar em comunhão com eles. A verdadeira vida é a comunhão ininterrupta, cotidiana, com uma multidão de criaturas.


‘Mas - dirão vocês - como conseguir?’
Com o amor. O amor é o único meio. Se amarem a natureza, ela lhes falará, porque vocês também são partes dela."

* * *

Deus está em nós e fora de nós, e pode-se dizer a mesma coisa do nosso Eu superior. A maior parte dos seres humanos não tem uma consciência suficientemente desenvolvida para sentir, dentro de si, a presença desta sublime entidade que é toda luz, todo amor e onipotência. A primeira tarefa de um espiritualista é a de procurar, dentro de si, todas as pistas de tal presença, sabendo que é o seu verdadeiro eu. Foi dito: ‘Conhece-te a ti mesmo!’


Para se conhecer verdadeiramente, é preciso se conhecer no alto, no mundo divino. Enquanto o ser humano não tiver tomado consciência de existir no alto como uma partícula da Divindade, nunca se conhecerá e não possuirá nenhuma qualidade divina. Conhecer-se significa encontrar-se a si mesmo e ao mesmo tempo encontrar Deus.


Quando se encontra Deus, encontra-se o amor, a luz, a liberdade, a alegria e não apenas dentro de si, mas em todos os seres humanos e também nos animais, nas plantas e nas pedras.


Quando Deus é encontrado em si mesmo, Ele é descoberto por toda a parte, em toda a natureza, e isto significa conhecer-se verdadeiramente.

* * *

A coisa mais importante do fruto é a semente porque, graças a ela, poderão, no futuro, obter milhares de hectares de árvores frutíferas. Na natureza, o essencial é a semente. A natureza se ocupa apenas das sementes e dos caroços. Se os recobriu de polpa, o fez para atrair os pássaros e os homens, que terão, depois, a tarefa de semeá-los.


Simbolicamente, a semente, o caroço é o espírito. A polpa é o espaço no qual circula a vida, a alma. A casca é o revestimento material, o corpo físico.


Não se pode negar a importância do corpo físico, pois contém a alma e o espírito, como o frasco impede o perfume de evaporar. O homem verdadeiro, porém, não é o corpo, mas apenas um ponto imperceptível, em alguma parte dentro dele, que pensa, ama e cria. A prova de que a Inteligência Cósmica não leva, então, tanto em conta o corpo físico, é que o deixa morrer e enterrar, enquanto faz retornar o espírito, que é imortal, em direção às regiões celestes.

* * *

Procurem tomar consciência do valor que têm os momentos nos quais, no silêncio e no recolhimento, recebem a luz, a graça do céu. Os homens enfrentam muitos sofrimentos porque não possuem tal consciência. Recebem as bênçãos, mas as perdem logo, simplesmente porque não conhecem o valor disso que receberam. Acreditam que o Céu esteja sempre pronto para verter a sua luz e o seu amor, e quando eles não têm nada de mais interessante para fazer, aceitam parar alguns minutos para recebê-los. Mas não é assim que deve ser feito. O Céu não está à disposição de pessoas volúveis e indiferentes. Em momentos especiais, em determinadas condições, derrama as suas bênçãos e, se não estão bastante conscientes para recebê-las, ou mesmo não sabem conservá-las, tanto pior para vocês, pois as perderão. Prestem atenção e, nos dias em que sentirem que receberam uma revelação ou uma graça do Céu, procurem conservá-la preciosamente.

* * *

Quem procura um Mestre para se tornar discípulo, freqüentemente coloca mal o problema, pois a sua evolução depende muito mais de si mesmo do que do Mestre. É a qualidade dos seus ideais, dos seus pensamentos e dos seus sentimentos que fará com que se desenvolva. O mestre é apenas um meio.


Todos aqueles que pensam que os seus progressos espirituais teriam sido mais rápidos se tivessem tido um mestre melhor, mais importante, estão errados. Talvez tivessem tido que passar por maiores provas!


Não pensem que ao lado de Jesus um gato possa se tornar São João. Não. Permanecerá um gato, e um porco talvez se torne duas vezes porco! Naturalmente é prometedor encontrar um mestre sábio e pleno de amor, mas não se esqueçam nunca que são vocês o fator determinante. Comecem por melhorar os seus sentimentos e pensamentos, por nutrir um alto ideal, sabendo que, mais cedo ou mais tarde, vocês conseguirão atrair, entre todas as criaturas celestes ou terrestres, aquelas que correspondem ao seu ideal.

* * *

Quando um discípulo se apresentava ao Mestre Peter Deunov para lhe contar os seus infortúnios, algumas vezes o Mestre começava a rir. Por quê? Como é preciso agir em circunstâncias parecidas?


Quando alguém lhes conta as próprias desilusões, as próprias desgraças, geralmente não o faz tanto para ser ajudado a encontrar uma solução, mas muito mais porque deseja compartilhar com vocês a sua condição.


Então, se permitirem ser invadidos pelo seu mundo psíquico, não só não o ajudarão, mas se limitarão como ele e acabarão ambos aniquilados. Se querem realmente ajudar alguém, não permitam que o seu problema penetre em vocês. Permaneçam lúcidos, tranqüilos, seguros. Este é o sistema para liberá-lo da situação em que se encontra.


Não digo que é preciso ser insensíveis. Não! É importante saber se colocar no lugar dos outros. Porém, para manifestar compaixão não é bastante sofrer com as pessoas.


Faz-se o bem para eles com a força da própria luz. É preciso encontrar dentro de si a paz, a harmonia e a luz, para poder dá-la aos outros.

* * *

As relações humanas são muito complicadas, seja com a família, os amigos, colegas de trabalho, ou mesmo com desconhecidos. Se quiser manter a harmonia e um bom entendimento, é preciso esquecer um pouco de si mesmo, não colocar sempre em primeiro plano os seus pontos de vista e os seus gostos, mas mostrar-se compreensivo, indulgente, paciente...


É um sacrifício, mas é uma força. Sim, eis a grande idéia diante da qual devem se inclinar. Obviamente, existe algo em vocês que protesta: o sacrifício subentende constrições, perdas. Saibam, porém, que quem protesta é a sua natureza inferior. A sua Natureza Superior, ao contrário, alegra-se.


Parem de centrar tudo sobre vocês, sobre suas opiniões, sobre seus sentimentos e sobre seus desejos. Fixem-se em um ideal elevado e luminoso, pois será esse ideal que dissipará as muitas dificuldades que encontrarão nas suas relações com os outros a cada dia. Vocês nem verão mais essas dificuldades e, caso as vejam, elas não os afetarão.

* * *

A Natureza é viva e inteligente. Mas a maioria dos seres humanos age como se ela estivesse morta ou fosse estúpida, e é por esse motivo que a vida neles não vibra mais tão intensa e tão fortemente: pouco a pouco, eles paralisam todas as faculdades de conhecer, compreender e sentir o que Deus lhes deu.


Quando se acha que as pedras, as plantas, a água, o ar e o Sol não são vivos, porque procurar entrar em contato com eles? Isso já é, portanto, um modo de embotar as próprias faculdades de percepção e, ao fazer isso, limita-se. Porém, se acreditarem que a Natureza é viva e inteligente, vocês se esforçarão para compreenderem a sua linguagem e conseguirão encontrar dentro de si meios de expressão para se dirigirem a Ela.


(Transcrição de trechos extraídos de diversas palestras proferidas pelo mestre Aivanhov ao longo dos anos).





Nota de Wagner Borges

Omraam Mikael Aivanhov (1900-1986): Mestre espiritualista búlgaro, que morou a maior parte de sua vida na França, onde fundou a Fraternidade Branca Universal - www.fbu.org (não confundir com a Fraternidade Branca do Himalaia, dos mestres, que se situa em planos sutis). É um dos mentores espirituais dos trabalhos do IPPB.


Mais informações sobre o seu trabalho podem ser conseguidas em nosso site - www.ippb.org.br - Basta entrar na seção de busca por palavras do site e clicar o seu nome. Daí surgirão diversos textos dele postados em várias seções do site, e aí é só mergulhar em seus escritos e se fartar de ler textos excelentes e cheios de sabedoria espiritual e humana.


Texto <860><19/06/2008>



Índice deste setor do site



Nota de Euro Oscar

Postado por: Admin (o próprio Wagner Borges) em terça,
12 de Agosto de 2008 às 19:44, no seu site www.ippb.org.br

Fonte

www.ippb.org.br - Wagner Borges concedeu-me, muito gentilmente, permissão específica para eu aqui aproveitar os interessantes e úteis materiais do seu amplo site. Wagner Borges, além de ter programas no rádio é conferencista de renome internacional, na área da espiritualidade, paranormalidade e metafísica em geral, proporcionando uma visão abalizada e holística aos interessados. Seu Instituto, o IPPB, ministra excelentes cursos. Muito obrigado ao Wagner pela sua valiosa colaboração.

Retribuição e autorização pública

Wagner Borges não me pediu, porém tem a minha permissão, caso assim queira, para aproveitar no seu site (www.ippb.org.br) qualquer material de minha autoria contido neste site (www.eurooscar.com), a saber: minhas poesias, charadas, palavras cruzadas e textos.
Euro Oscar




Google
 
Web www.eurooscar.com

www.eurooscar.com - Autor: Euro Oscar - © 2008
Direitos Reservados - Contato: eurooscar@gmail.com


Se veio até aqui por um link externo e não vê o menu fixo à esquerda, clique aqui, para melhor usar e controlar o site.


Página inicial do site