WAGNER BORGES - 6



CHACRAS

Porta de entrada para o corpo físico, é por meio deles que ingressa
todo tipo de energia que tem como finalidade vitalizar a matéria e o espírito.

Por Edualdo Kulcheski

A palavra "chacra", originária do sânscrito, quer dizer "roda" ou "pires" que, em seus movimentos vorticosos, forma uma depressão no centro. Portanto, seu significado etimológico é "disco giratório". Os chacras são pontos de conexão pelos quais a energia flui de um corpo a outro. Os fluxos energéticos criam vórtices ou redemoinhos, aproveitando essa entrada para atravessarem o perispírito e o duplo etérico e passarem para o organismo físico.


A comunicação entre os chacras acontece através de condutos conhecidos como "meridianos", por onde flui a energia vital alterada. por eles. O tamanho dos chacras depende do desenvolvimento espiritual e das vibrações que emitimos. Nas pessoas mais desenvolvidas espiritualmente, eles são amplos, brilhantes e translúcidos, podendo atingir Um raio de até 25cm, permitindo a canalização de urna quantidade maior de energia vital e o desenvolvimento das faculdades psíquicas do homem.


Existem dois tipos de chacras: do perispírito e do duplo etérico. Praticamente em toda a literatura que trate do assunto, as terminologias indicam os chacras como sendo os vórtices que estão no duplo etérico e os centros de força como os que se encontram no perispírito. Estes últimos captam as vibrações do espírito e as transferem para os chacras do duplo etérico, que fazem uma filtragem e as remetem para as regiões dos plexos correspondentes na matéria física. Os chacras do duplo etérico e os centros de força do perispírito estão intimamente ligados em contato energético, atuando diretamente sobre os plexos nervosos do corpo físico.


O movimento giratório dos chacras resulta do choque ou contato turbilhante das energias etéricas sutis que vêm do plano superior com forças etéricas primárias, agressivas e vigorosas que partem da Terra carregadas de impurezas próprias do mundo animal instintivo. Esse fenômeno é algo semelhante às correntes de ar frio que descem de nuvens carregadas de água e entram em choque com as correntes de ar quente que sobem da crosta terrestre, resultando nos conhecidos ciclones, tufões ou furacões.


Quando observados de perfil em seu veloz funcionamento, os chacras se assemelham a verdadeiros pratos de energias giratórias, com uma concavidade característica no centro. Vistos de frente, lembram o movimento acelerado e vertiginoso das hélices dos aviões em alta velocidade, porém, emitindo cintilações coloridas por causa da absorção de fluido vital, que os irriga e neles se decompõe em cores, como a luz solar ao incidir em um prisma de vidro. Embora cada chacra do duplo etérico possa apresentar diversos matizes de cores ao mesmo tempo, que se diferem entre tons mais belos e límpidos ou mais feios e sujos, sempre há uma tonalidade predominante sobre os demais em sua absorção fluídica, que revela o tipo vibratório ou energia útil que ativa este ou aquele sistema de órgão do corpo físico.


Existem três tipos de energias que correm pelos chacras e que os fazem girar: éter cósmico (energia espiritual), fluido vital (prana) e éter físico (kundalini).Esses três tipos de energias não se misturam, pois têm freqüências diferentes. A principal entrada do éter cósmico é o chacra coronário, depois o frontal e o laríngeo. Já o fluido vital entra no corpo principalmente pelo chacra esplênico e, depois, pelo gástrico, enquanto que o chacra genésico é a principal entrada do éter físico. Cada uma dessas energias pode ser absorvida pelos outros chacras caso suas entradas principais estejam bloqueadas.

Filtro dos Chacras

Existe uma relação muito estreita entre os chacras do corpo espiritual e os correspondentes do duplo etérico. Interpenetrando-os, existe um filtro que impede a abertura precoce da comunicação entre os planos espiritual e físico. Sem ele, todas as experiências espirituais de existências físicas anteriores acumuladas pelo cérebro perispiritual poderiam chegar à consciência física, o que certamente ocasionaria os mais diferentes danos. A qualquer momento, uma entidade espiritual poderia introduzir forças para as quais o indivíduo comum não estaria preparado para enfrentar ou que excedessem sua capacidade de controle. Dessa forma, estaria sujeito à obsessão por qualquer espírito que deseje se apossar dele. Portanto, o filtro atômico é uma defesa eficaz contra essas possibilidades indesejáveis.


Esse filtro pode ser lesionado ou rompido, algo muito grave em certos casos. A lesão pode se originar de várias situações, como uma emoção violenta ou de caráter maléfico que provoque uma espécie de explosão no corpo espiritual, um susto enorme, um acesso de raiva ou ira, uma sessão de desenvolvimento que abra portas que a natureza pretendia manter fechadas ou o uso de drogas, bebidas e fumo.


Em uma das maneiras pela qual a destruição do filtro pode ocorrer, o afluxo da matéria que se volatiza literalmente queima a tela e suprime a barreira natural. Quando essa volatização se produz, os elementos em questão se precipitam através dos chacras em direção contrária à que deveriam tomar. A força empregada para seguir esse caminho rompe e destrói o delicado filtro. Outra forma pela qual acontece essa destruição é quando os elementos voláteis endurecem o átomo, dificultando e paralisando suas pulsações a ponto dele não poder mais canalizar o tipo especial de fluido vital que o cola à tela. Então, esta se ossifica e, conseqüentemente, a transmissão de um plano a outro, que era abundante, torna-se absolutamente insuficiente.


O desenvolvimento dos chacras está diretamente ligado com a mediunidade. Para os verdadeiros estudantes da sensibilidade espiritual, não há um método que não seja este: não se deve forçar em nada o desenvolvimento das faculdades psíquicas, mas esperar o momento delas se manifestarem com toda a naturalidade, no decurso da evolução normal. Assim, poder-se-á colher todos os benefícios e evitar-se-á todos os perigos. O Espiritismo orienta que tudo deve acontecer de forma normal, pois quando o desenvolvimento é provocado, ele causa desequilíbrios, a pessoa terá, de forma precoce, percepções que normalmente .não sabe conduzir e controlar.


À medida que o homem promove o seu próprio crescimento espiritual, o desenvolvimento dos chacras se torna natural e progressivo. O melhor método consiste em atualizar gradativamente as potencialidades superiores do fogo serpentina e introduzi-los sucessivamente em todos os chacras. Essa atualização necessita de um deliberado e perseverante esforço de vontade.


Como vimos, os chacras mais importantes do duplo etérico podem ser acelerados, desenvolvidos ou despertos através de certos rituais e certas disciplinas, mas é aconselhável que isso seja feito em concomitância com o aperfeiçoamento moral e o controle mental do ser. De todos eles, o mais perigoso de ser desperto prematuramente é o chacra genésico, sede da energia kundalini ou fogo serpentina. Sem a garantia de uma boa graduação espiritual, o homem que abrir este chacra perderá o seu domínio ante o primeiro descontrole emotivo ou mental em desfavor alheio, pois sua ira, seu desejo de vingança ou seus maus pensamentos serão quase que imediatamente concretizados sobre as vítimas em mentalização. Portanto, o que a doutrina espírita aconselha é que busquemos o evangelho se quisermos ativar os chacras e o cumpramos se quisermos renovar energias.

Características dos Chacras

Embora existam outros centros de força menores e em desenvolvimento nas criaturas, são sete o número de chacras mais importantes do duplo etérico: coronário, frontal, laríngeo, cardíaco, esplênico, gástrico e genésico.

Chacra Coronário

Situado no alto da cabeça e conhecido entre os hindus como "lótus de mil pétalas", o chacra coronário se relaciona materialmente com a epífise, possui 960 raios principais e um centro menor em turbilhão colorido, apresentando 12 ondulações ou raios. É o chacra mais importante, pois nos liga com o plano espiritual e é através dele que captamos as energias espirituais, além de ser o centro de forças de maior potencial e radiação, responsável por sediar a consciência do espírito.

Chacra Frontal

O chacra frontal fica entre os olhos, tem 96 raios e se relaciona com os lobos frontais do cérebro e a hipófise pituitária. É o chacra dos sentidos, atuando diretamente sobre a hipófise e, também, na área do raciocínio e da visão. Por isso, diz-se que ele é o responsável direto pelo funcionamento dos centros superiores intelectivos, bem como do sistema nervoso central. É também um dos chacras responsáveis pela vidência e intuição no campo da medi unidade, já que, através dele, emitimos nossa energia mental e possui mos o comando dos poderes psíquicos. Quando abundante de fluido vital e em boa atividade com os outros chacras, confere ao homem encarnado e desencarnado a faculdade de aumentar ou diminuir seu poder visual.

Chacra Laríngeo

O chacra laríngeo, situado à altura da garganta, possui 16 raios e se relaciona com o plexo cervical, sendo responsável pela saúde das áreas fonéticas e auditivas, vias respiratórias e certas glândulas endócrinas. Suas mais importantes funções são sustentar e controlar as atividades vitais e o funcionamento das glândulas timo-tireóide e paratireóide, estabilizando definitivamente a voz da criatura após a puberdade. É um chacra que influi bastante nos demais centros de forças e nos plexos nervosos do organismo humano, pois o ato da materialização das idéias através da fonética é um fenômeno que concentra todas as forças etéreo-magnéticas do perispírito, atuando em vigorosa sintonia com os demais centros energéticos reguladores das funções orgânicas. Além disso, permite que os espíritos transmitam mensagens psicofônicas por seus canais.

Chacra Cardíaco

Responsável pelo equilíbrio, intercâmbio e controle da emotividade, o chacra cardíaco está localizado na região do coração, possui 12 raios e sua função é permitir o fluxo das informações sentimentais e emotivas. Estando em equilíbrio, esse chacra permite à pessoa ser muito lúcida em seus sentimentos e suas emoções, confirmando a velha tradição de que estes são gerados no coração do homem. Quando é bem desenvolvido, ele favorece a consciência ou a percepção instantânea das emoções e intenções alheias.

Chacra Esplênico

Ligado materialmente ao baço e formado por 10 raios, o chacra esplênico é a principal porta de entrada de energia vital, além de regular tanto a distribuição e circulação dos recursos vitais como a formação e reposição das defesas orgânicas através do sangue. É o mais importante centro energético de vitalização do corpo físico. Quando nos desvitalizamos, sentindo-nos fracos, isso indica que este chacra está com mau funcionamento. As pessoas que tem o chacra esplênico embotado são muito nervosas, incomodam-se com tudo, além de serem vampiros de energia, pois não conseguem se energizar sozinhas. Ele é importante também para os médiuns que dão passes magnéticos, pois parte dos fluidos provém de nossa vitalidade. Pessoas que têm o chacra esplênico muito desenvolvido podem ser médiuns curadores.

Chacra Gástrico

O chacra gástrico possui seis raios e se localiza na altura do umbigo. De natureza rudimentar, é responsável pela assimilação e metabolização dos alimentos que o homem ingere, pelo funcionamento do aparelho digestivo, pela assimilação de elementos nutritivos e pela reposição de fluidos em nossa estrutura física. Quando este chacra é muito desenvolvido, o homem aumenta sua percepção das sensações alheias, pois adquire um tato instintivo ou uma sensibilidade espiritual incomum que o faz perceber todas as emanações hostis existentes no ambiente onde atua e, também, as vibrações afetivas que pairam no ar.

Chacra Genésico

Por fim, temos o chacra genésico, que possui quatro raios e está situado na base da espinha dorsal, sobre a região sacra. Responsável pelos órgãos de reprodução e emoções sexuais, atua sobre a coluna vertebral, sistema central e periférico e em todo o aparelho urinário e reprodutor. Este chacra é o mais primitivo e singelo de todos em sua manifestação, um dos principais modeladores das formas e dos estímulos da vida orgânica. A pessoa que abrir o chacra genésico prematuramente dará entrada a uma torrente de energia tão poderosa que irá alimentar todas as paixões e os desmandos, o orgulho poderá explodir e o recalque sensual dominará de tal maneira que realizará os piores caprichos e ações sobre o próximo. Em desequilíbrio, pode levar o homem à loucura, pois sua ação muito forte acirra o desejo sexual, semeando a satisfação aberrativa. A energia vitalizante não utilizada nas emoções sexuais superiores e no desenvolvimento do intelecto deve ser aproveitada na prática de esportes, com o intuito de não causar distúrbios sexuais inferiores e não ativar maus sentimentos.

Harmonizando os Chacras

Quando os chacras estão em equilíbrio, desfrutamos de ótima saúde física e psíquica, caso contrário, ficamos vulneráveis aos distúrbios e às doenças. Ao estarmos saudáveis, nossos chacras giram com ritmo e sincronia, porém, com o organismo doente, eles ficam acelerados ou lentos demais, rodando com dificuldade e provocando perda de energia vital.


A saúde está no equilíbrio, que pode ser conseguido através de uma dieta saudável, rica em verduras, legumes e frutas, de exercícios físicos moderados e acompanhados por um médico, do respeito às horas de descanso e de práticas religiosas, meditativas e relaxantes. Enfim, tudo aquilo que propicie a harmonia interior. O passe, a prece, a irradiação e a água fluidificada servem como apoio para a recuperação, mas não são a base real para o equilíbrio, alinhamento ou harmonização dos chacras e centros de força. Devemos lembrar que chacra bloqueado não é causa, mas conseqüência. A causa do desequilíbrio são nossos pensamentos, sentimentos, emoções, palavras, desejos e ações de baixo teor vibratório, como pessimismo, mágoa, rancor, inveja, egoísmo, orgulho, vingança, ódio e vícios.


Para que a pessoa se rearmonize energeticamente, é essencial que haja uma moralização e o abandono de seus vícios, ou seja, ela precisa se reformar moralmente, agindo de maneira cristã em todos os momentos da vida. Porém, como isso não é comum às nossas ampliadas comodidades, cabe a nós, falíveis espíritos devedores, realizarmos essa ação por meio do perdão, da fraternidade e da compreensão, ajudando, socorrendo e orando pelo próximo. Dessa forma, vibraremos em ondas de elevado teor moral para fazermos nosso centro coronário se valer. como captado r das boas energias espirituais, distribuindo o equilíbrio devido aos demais centros e espiritualizando nossa matéria.

Índice geral

NOTA DE EURO OSCAR

Postado por Admin (Wagner Borges) em Sexta, 31 de Outubro de 2003 às 12:46, no seu site, mencionado abaixo.

FONTE DOS TEXTOS

www.ippb.org.br


Wagner Borges concedeu-me muito gentilmente permissão específica para aqui aproveitar os interessantes e úteis materiais do seu amplo site. Wagner Borges, além de ter programas no rádio é conferencista de renome internacional, na área da espiritualidade, paranormalidade e metafísica em geral, proporcionando uma visão abalizada e holística nas suas abordagens. Seu Instituto, o IPPB, ministra excelentes cursos. Muito obrigado ao Wagner pela sua valiosa colaboração.

RETRIBUIÇÃO
E AUTORIZAÇÃO PÚBLICA

Wagner Borges não me pediu, porém tem a minha permissão, caso assim queira, para aproveitar no seu site (www.ippb.org.br) qualquer material de minha autoria contido neste site (www.eurooscar.com), a saber: minhas poesias, charadas, palavras cruzadas e textos.
Euro Oscar



Google
 
Web www.eurooscar.com

www.eurooscar.com - Autor: Euro Oscar - © 2008
Direitos Reservados - Contato: eurooscar@gmail.com


Se veio até aqui por um link externo e não vê o menu fixo à esquerda, clique aqui, para melhor usar e controlar o site.


Página inicial do site