REVISTA AMALUZ - 10



VIDA HUMANA, ASCENSÃO E ILUMINAÇÃO

Canalização espiritual: P’taah, através de Jani King



PARTE 1

Jani King - "Light Source".
3134 E.Mackellips RD,#211 - Mesa, AZ 85213
Fone (602) 832-7633 - Fax (602) 832-0262
E-mail: pataah@dancris.com
http://www.infinite.org/ptaah

Obs. de E. O. :
Dividi o texto em 3 partes, para a INTERNET.

Saudações, amados! É uma grande alegria, em razão do que estou para compartilhar com vocês, apresentar-me desta maneira para lhes refletir o que vocês, na verdade, positivamente sabem, para recordar-lhes a verdade de vocês, recordar-lhes sua magnificência, recordar-lhes que o que os mantém afastados de sua grandiosa e maravilhosa verdade é um medo tão, mas tão minúsculo. Essa é a verdade.

SUA RAÇA E A ILUMINAÇÃO

Então, como vai esta magnífica raça em termos de iluminação, meus amados? Como está se saindo? Muitas lutas boas? Bem, sabem, nada há de errado nisso. Mas cabe a vocês se lembrarem de que a luta é simplesmente o esquecimento da grandiosa verdade. A luta é o medo de não conseguir. Bem, uma parte de vocês sabe que não existe possibilidade de vocês não conseguirem, ou então não estariam aqui. Vocês não teriam se manifestado nesta época.


Perguntamos a vocês: o que é este negócio de iluminação? O que é realmente? Vocês sabem que iluminação é o resultado natural de absoluta e incondicionalmente amar quem vocês são. É simples assim. Todos vocês lêem seus livros, vão a seminários e vêm para ouvir discursos enfadonhos, e se enredam em todas as histórias. Há muitos que diriam que vocês não podem fazer isto se não fizerem isto assim e assado, este é o modo e não há nenhum outro. Bem, vocês sabem que não existe apenas um modo, não existe uma única verdade, exceto que quem vocês são a todo momento é uma expressão perfeita de Deus/Deusa/Tudo Que Existe. Eis a grandiosa verdade. Vocês criaram a si mesmos nesta vida e em qualquer outra vida simplesmente para viverem esta experiência. Sua verdade maior é que vocês são seres grandiosos, maravilhosos, multidimensionais que vieram para viver esta grande experiência espiritual chamada vida humana presente.


Todos vocês lutam para ser espirituais. Dizemos a vocês, nunca, jamais existe um momento em toda sua vida, sequer um momento, em que vocês não são espirituais. Antes de qualquer outra coisa, vocês são entidades espirituais. Então, quando realmente conseguirem chegar a essa verdade e parar de lutar com ela, a vida ficará muito mais divertida para vocês. Não existe nenhuma regra. Não existem quaisquer deveres. Toda essa coisa não tem nada a ver com ser bom. Tem relação com ser! Ser a verdade de vocês, ser quem vocês são em todo momento presente, sua verdade.

O MEDO DE NÃO SER SUFICIENTE

Não é tão difícil, verdade! Só o que mantém vocês longe da verdade de vocês é o pequeno medo de não serem suficientes! Sabiam disso? É um medinho de nada de não serem merecedores, de não serem merecedores de amor ou de amar, o medo de não viver num universo seguro. Aquele bebê que mora em seu peito não conhece essa grandiosa verdade, então vocês passam vida toda tentando convencer os outros de que são bons e merecedores. Entendam, a verdade é que todos sentem exatamente o mesmo medo. Todos estão escondendo esse medo. Todos fingem ser algo que vocês pensam não ser.


Se não fosse por esse medo minúsculo, todos vocês seriam totalmente telepáticos. Viveriam no que vocês denominariam estado de graça. E o que é estado de graça? É estar em sua verdade. É tão simples, na verdade. Vocês aprendem todas as histórias sobre seus irmãos e irmãs estelares, aprendem a alinhar seu corpo de luz, a fazer este exercício e aquele exercício, a comer isto e não aquilo — todas essas coisas são histórias maravilhosas para mantê-los entretidos, mantê-los ocupados, e vocês criam tudo isso para evitar haver-se com sua verdade! Entendem? Trata-se tudo de uma grande distração — vocês se distraem com todas essas grandiosas histórias. Nada há de errado nisso, pois, como dissemos, não existem deveres. Mas isso não os levará para casa, e é por isso que vocês anseiam mais que qualquer coisa — ir para casa.


Ir para casa — o que significa isso? Como é ir para casa? É viver num estado de não separação. É viver sabendo que são absolutamente perfeitos, que são o reflexo divino da divindade, que são seres eternos. Vocês são tão poderosos que criam seu universo a cada instante, e a beleza do universo brada a vocês: "Olhem para mim! Sou seu reflexo perfeito!" Quantas vezes iniciam seu dia olhando a beleza que os cerca? Com que freqüência começam seu dia dizendo: "Realmente, dou graças ao Deus/Deusa de meu ser por esta magnificência que co-criei e que me mostra como sou perfeito, me mostra o milagre que sou neste exato momento"? Vocês são poderosos assim — mais poderosos que todo o armamento atômico reunido.


Entendam, essa é a grandiosa verdade de vocês. Vocês se esquecem e se mantêm longe da verdade com este minúsculo medo que vive dentro de seu peito desde os primeiros dias subseqüentes a seu nascimento. E vocês se aferram tanto ao medo, é uma parte tão importante de sua persona, que com freqüência não enxergam além dele.

COMO SE CRIA O AGORA

Vocês criam os enredos, e o universo lhes dá todo o apoio em relação a esses enredos, para lhes mostrar que aquilo em que vocês acreditam é verdade. Bem, que bela enrascada, hein? De que jogo maravilhoso vocês participam! Vocês estão tão ocupados olhando para fora, ao redor de vocês, para todos os lugares, menos para dentro, para criar a transformação que todos vocês desejam.


Entendam, meus amados, não há nada fora de vocês a não ser um reflexo, um espelho. E seja qual for seu foco, verão o espelho. Quando vocês se concentram em medo, violência, discórdia, quando escutam outras pessoas lhes falarem sobre realidade, lhes dizerem que vocês não vivem num universo seguro, dizendo que devem fazer assim e assado para ficar seguros — então vocês criam um grande drama. Absorvem tudo isso. O drama torna-se parte da trama de sua estrutura de crença e então é exatamente o que vocês criam, porque na verdade vocês criam tudo. Agora, tudo isso é muito familiar.


Então, à medida que vocês se ocupam de seu dia-a-dia, prestem atenção ao que se passa dentro de vocês. Vocês vêem quando sua vida está refletindo a vocês paz e harmonia, risos e alegria — atrevo-me a dizer amor? Então não há qualquer julgamento a esse respeito, entendam. A sensação é maravilhosa, e na maravilha flui a energia, e nesse momento vocês criam o próximo momento presente a partir desse ponto de alegria. Então, talvez ocorra algo fora de vocês em relação a que vocês nutram um grande julgamento negativo, e todos os centros de energia se fecham e vocês experimentam sensações de grande desconforto e até mesmo dor, que logo se traduzirão em dor física e doença.


Então como vocês transformam essa situação? Bem, primeiro prestem atenção a qual impressão ela transmite? Pois esse é seu barômetro. É por meio de suas sensações que vocês sabem o que está se passando consigo.


O outro barômetro de que dispõem tem relação com seus julgamentos negativos. Agora, todos sabem que não devem julgar de forma negativa. E como sabem que não devem fazê-lo, então, na verdade, vocês mostram grande julgamento sobre o julgamento. Isso é o que se chama um beco sem saída, e quanto mais lutam para não julgar, mais o fazem. Trata-se de uma lei do universo. Aquilo a que se resiste, certamente persistirá.

ABENÇOEM SEUS JULGAMENTOS NEGATIVOS

Então, dizemos a vocês, sempre que se pegarem em julgamento negativo em relação a algo ou alguém fora de vocês, quando se pegarem a fazer isso, parem e abençoem totalmente o julgamento. Porque esses julgamentos negativos são seu instrumento divino. Vocês sabem quando vocês fazem esse julgamento negativo. "Ah-ah!" vocês talvez exclamem, "há uma coisinha aqui que precisa de atenção." Porque todos vocês sabem que tudo que existe lá fora é apenas um reflexo que chega a vocês do que existe aqui dentro [aponta o coração].


Então, quando esses julgamentos negativos se manifestarem, abençoem-nos totalmente. Fiquem quietos e observem o que há por trás desse julgamento. Trata-se realmente de uma ferramenta divina. Quando vocês o abençoarem, algo extraordinário ocorrerá — já não estará lá quando vocês o abençoarem. Quando vocês aceitam o fato do julgamento negativo, imediatamente criam transformação. Isso faz sentido para vocês? Por meio da aceitação, por meio da bênção, por meio do agradecimento, vocês transformam esse julgamento. Quando se analisa o julgamento, mesmo um julgamento em relação a algo fora de vocês, tudo se resume a um pouco de medo de quem vocês são. Entendam, meus amados, é uma coisa tão minúscula. É tão pequeno. É simplesmente um bebê que nunca aprendeu que é merecedor de toda a magnificência, que ele vive num universo absolutamente seguro.

QUAL É SUA REALIDADE PERCEBIDA,
A SENSAÇÃO DELA?

Tanto quanto vocês o permitirem, o universo os apóiará totalmente. Vocês criam sua realidade a partir de suas convicções sobre realidade, a partir de sua percepção de quem são e de quem são em relação à sua realidade exterior percebida. Enquanto vocês acreditarem que não vivem num universo seguro, assim será. Enquanto acreditarem que amor é igual a dor, assim será. Eis uma grandiosa verdade.


Vocês sabem que realmente acreditam que amor é igual a dor. Essa foi sua experiência, e a herdaram de muitas formas. Vocês nasceram numa situação de medo e numa estrutura de crença. Em todas as suas vidas, conheceram o medo e souberam que amor é igual a dor. Vocês não estão isolados e é bastante extraordinário que cada umsinta-se absolutamente isolado mesmo quando há muito amor entre vocês. Dentro de seu peito, ainda sentem-se sós. A verdade é que nunca ficaram separados de nada nem ninguém. Novamente, o que faz com que vocês continuem tendo essa sensação de separação é aquele pequeno medo. Então, seja lá o que for que esteja ocorrendo em seu mundo, seja o que for que necessitem, o objetivo é levá-lo de volta ao sentimento, seja ele qual for.


Ninguém criou nada em que vocês sejam vítimas. Vocês nunca foram vítimas. Nenhum de vocês jamais foi vítima, a menos que o tenham permitido. Estamos dizendo que vocês o fazem conscientemente. Até que assumam total responsabilidade por sua co-criação de todas as situações de sua vida, vocês não efetuarão a transformação. Vocês não podem transformar o que não possuem, meus amados! São vocês que criam tudo, de uma maneira ou de outra.


Sei que quando observam sua vida, pensam: "Como pude fazer isto deste jeito?" Com freqüência vocês sentem vergonha e raiva por terem criado o que têm em sua vida. Dizemos a vocês, sempre, sempre vocês fizeram do único modo que sabiam. Quando reconhecerem que na verdade não têm passado nem futuro — apenas o agora — então saberão que no agora podem transformar tudo. No agora vocês podem transformar tudo! Como? Simplesmente tendo dentro de si amor e compaixão por si mesmos, que não sabiam. Quanto mais amor e mais compaixão conseguirem ter por quem vocês são, mais rapidamente transformarão suas vidas. Porque quando vocês têm amor e compaixão por si próprios, então realmente, como poderia ser diferente "lá fora?"Quando conseguirem olhar a discórdia, a violência, a tristeza, a dor, quando conseguirem olhar para fora de si mesmos e para tudo que não for amor e reconhecer que se trata simplesmente do fruto do bebê assustado dentro de vocês — é aí que essa percepção mudará seu mundo. Isso faz sentido para vocês? Mas primeiro devem fazer isso por vocês. A todo momento podem escolher como perceberão sua vida, como perceberão sua realidade percebida. Vocês entendem? Seja qual for a história lá fora, tragam-na de volta ao sentimento. Esse é o seu barômetro. Tragam-na de volta ao sentimento, pois esse é seu centro de energia.


Vocês criam sua realidade a partir do pensamento capacitado pela e-moção: energia em movimento. É na emoção que vocês criarão a mudança que desejam! Trata-se de física: energia, energia, energia. É isso que vocês são. São um conglomerado de energia. De que consiste seu universo? Energia. Toda sua realidade física é energia aglutinada. E por meio de sua energia mudarão o mundo. Muitos entre vocês realmente não se interessam pelo mundo, nem deveriam se interessar, preferem antes mudar suas vidas para ter vidas de amor, alegria, risos e diversão. É por isso que vocês estão aqui! Não há deveres. Não há nada que vocês deveriam estar fazendo.


Todos vocês nos dizem: "P’ttah, qual é nossa missão na vida? Por que estamos aqui?" Dizemo-lhes que vocês criaram a si mesmos aqui nesta vida para realizar a mais grandiosa de todas as missões, que é saber quem realmente são, para chegar a saber a grandiosa verdade que vocês são — a todo momento uma pedra preciosa perfeita e eterna da coroa da divindade. Essa é sua verdade e tudo mais não passa de história.

SUA CRENÇA EM LUTAS E CORREÇÕES

A vida não foi planejada para ser aflição e dor. A vida não foi planejada para ser luta. Vocês possuem estrutura de crença sobre toda essa coisa, crenças que nem mesmo sabem que possuem. Vocês acreditam que devem lutar para que qualquer coisa valha a pena, que devem trabalhar com afinco, que vocês não são considerados merecedores se não estiverem trabalhando e lutando. Que outras criações agem desse jeito? Nenhuma que tenhamos observado em sua realidade. Outras criações sabem que são realmente perfeitas, criações eternas, que nada há a corrigir. Vocês são todos perfeitos agora, não quando todos os pedaços estiverem arranjados. Não há nada a arranjar. Sua idéia de perfeição é um tipo de artigo acabado. Bem, entendam, nada está concluído, nem mesmo Deus.


Quando se encontrarem naquele lugar de transformação maior chamado quarta densidade, muitos de vocês pensam que então tudo será perfeito, todos terão terminado e nada mais haverá para fazer. Dizemos-lhes que não existe fim para sua expansão. Vocês são seres ilimitados — ilimitados. E vocês não saberão tudo quando entrarem em seu estado de ser denominado quarta dimensão. Vocês nunca saberão tudo, nem mesmo quando passarem à décima quinta dimensão.


Mas o que vocês conhecerão será sua própria perfeição. E na alegria dessa perfeição, naquele lugar de existência não separada, vocês estarão em estado de expansão constante — cada vez mais felicidade, cada vez mais alegria, cada vez mais diversão. Meu conselho é que comecem agora. Não esperem. Não esperem ser felizes apenas quando todas as partes estiverem arranjadas, ou vocês se condenarão a uma vida muito longa e muito infeliz. Na verdade, não será longa, mas meu Deus, parecerá realmente longa.

Parte 2  Parte 3

ÍNDICE GERAL

Todas as páginas desta seção

FONTE DO TEXTO

(http://www.amaluz.com.br). Publicado originariamente na revista Amaluz, que não mais tem sido editada, embora fosse uma ótima publicação. Fazemos votos de que possa renascer, com a mesma qualidade de antes.




Google
 
Web www.eurooscar.com

www.eurooscar.com - Autor: Euro Oscar - © 2008
Direitos Reservados - Contato: eurooscar@gmail.com


Se veio até aqui por um link externo e não vê o menu fixo à esquerda, clique aqui, para melhor usar e controlar o site.


Página inicial do site