REVISTA AMALUZ - 97



CÁPSULA DO TEMPO
Wingmakers (Fazedores de Asas) - 11

PARTE 11 NESTE SITE
(PARTE 2 DA PARTE 9 DA REVISTA)





CONTINUAÇÃO DA ENTREVISTA

Anne: " Por que, por que alguém iria querer sair. . . entendo seu caso. . . você não queria que suas lembranças ou memórias fossem mudadas ou removidas. Mas normalmente eles não fazem isso. Ou fazem?


Dr. Anderson: " Não freqüentemente, mas eu certamente não seria o primeiro em ser apontado para passar por sessões de implante de memória ou outras medidas de segurança invasivas. Isso faz parte da cultura do Grupo Labirinto e do ACIO. Todos que entram em qualquer um desses mundos, entendem a que estão sujeitos. Está muito claro por que a paranóia deve fazer parte da cultura. Mas com o passar do tempo, isso passa a ser sufocante para algumas pessoas. E existe um grande risco que essas pessoas possam ver a minha deserção, no mínimo, como um estímulo à suas próprias deserções.


" Posso estar totalmente errado, mas acredito que há entre 10 a 20 indivíduos que deixariam o ACIO ou o Grupo Labirinto, caso se lhes fosse dada a escolha sem repercussões ".

Anne: " Mas eu pensei que você tinha dito ontem à noite que estas pessoas gostavam de seu trabalho em função do acesso privilegiado a tecnologias e laboratórios de pesquisas, que estavam anos luz na frente de qualquer coisa disponível! Se é assim, o que eles fariam na sociedade "normal" ?


Dr. Anderson: " Eu descobrirei. Eu serei o primeiro a experimentar a sociedade normal. . . como uma pessoa normal.

Anne: " Bem, pelo menos você não terá nenhum problema para arrumar emprego. . . o que estou dizendo , é que você nem mesmo vai ter necessidade de trabalhar. Eu havia esquecido que você pode ganhar seu próprio dinheiro.


Dr. Anderson: " Você ficaria surpresa em saber que levo uma vida bem simples. Eu tenho um Honda Accord 92 e moro em uma casa modesta de três quartos, em um bairro suburbano, de casas também modestas. . . "

Anne: " Você está brincando "?


Dr. Anderson: Não ".

Anne:" Você ganha US$400,000 por ano, livres de impostos e. . . e tem uma árvore de dinheiro em sua mente, e você vive como eu ? Sem querer ser indiscreta, mas o que você faz com todo seu dinheiro"?


Dr. Anderson: " Contribuo com algumas entidades de caridade, e o resto eu coloco em fundos que geralmente estão relacionados com o meio ambiente ".

Anne: " Todos os membros do Grupo Labirinto fazem como você "?


Dr. Anderson: " Você quer dizer com respeito a dinheiro e posses "?

Anne: Sim ".


Dr. Anderson: A maioria tem um padrão de vida superior ao meu, mas faz parte da nossa cultura viver modestamente e nenhum dos membros tem um estilo de vida ostentoso. Fifteen paga para as pessoas o que elas valem, não porque deseja que desperdicem dinheiro e vivam ostensivamente, mas porque quer que seus colegas façam doações, ou construam novas instituições para ajudar nossas comunidades locais. Ele acredita muito nisso, e ele, até mesmo mais que eu, vive muito modestamente ".

Anne: " Acho isso realmente difícil de acreditar. De tudo que você me disse até agora, essa é uma coisa muito difícil de acreditar!!. Estou atônita. . . "


Dr. Anderson: " Eu posso imaginar, mas o que eu estou contando a você é a verdade.


" Inicialmente, o grande apelo para recrutar pessoas novas para o ACIO está relacionado com os incentivos monetários. São pessoas extremamente brilhantes, capazes e que facilmente poderiam conquistar posições em universidades ou indústrias privadas, ganhando US$200,000 por ano. O ACIO os atrai no mínimo dobrando seus salários e lhes oferecendo contratos de emprego vitalícios. Mas aqueles que definitivamente ganham o direito para entrar no 12º nível, são introduzidas então no Grupo Labirinto, e até que alguém atinja esse estágio, dinheiro vai ficando cada vez menos importante. . . principalmente depois da experiência com o acelerador de inteligência de Corteum. . . depois da experiência com LERM, diminuiu ainda mais.


" Provavelmente você acharia interessante saber que Fifteen mora em uma pequena casa de 3 quartos em uma comunidade comum, onde o valor da propriedade é de mais ou menos US$200,000. Isso não é muito para uma casa nos padrões da Costa Leste. Seu carro deve ter pelo menos 100,000 milhas , não tem ar condicionado, e ele está totalmente satisfeito com sua situação. Os novos recrutas do ACIO sempre ficam pasmos com a frugalidade de Fifteen. . .acho que confusos é uma melhor forma de colocar. Mas com o passar do tempo, aprendem a respeitá-lo não como um excêntrico, mas como um gênio extremamente dedicado que simplesmente gosta de viver como outras as pessoas e se misturar com elas ".

Anne: " OK. . . tenho que entrar em um campo pessoal, e sei que estou fugindo totalmente do programa estabelecido, mas você tem que me contar algumas coisas sobre. . . assim como, o que seus vizinhos acham que você faz "?


Dr. Anderson: " Não conheço muito bem meus vizinhos. Eu tenho trabalhado 80 horas por semana desde quando tinha 18 anos. Quando me socializava, geralmente era com meus colegas. Há muito pouco tempo para estabelecer outras relações. Mas para responder sua pergunta diretamente, eu não sei o que eles pensam sobre o que faço. Só lhes falei que sou um cientista de pesquisa que trabalha para o governo. Isto é suficiente para matar a curiosidade deles.

Anne:" Mas e se você conhecer uma mulher e se apaixonar por ela ? Ela iria querer saber o que você faz, quanto dinheiro você ganha e assim por diante... o que você diria a ela "?


Dr. Anderson: " Eu trabalho para a NSA. Sou um cientista de pesquisa envolvido em lingüística e decodificaçao, e ganho US$85,000 por ano ".

Anne:" Então você mentiria "?


Dr. Anderson: " Faz parte da cultura do Grupo Labirinto. Nós não podemos contar a verdade, e se fizéssemos, a grande maioria das pessoas pensaria que somos loucos. Essa é a razão de nos resguardarmos e sómente falarmos a verdade entre nós mesmos ".

Anne: " Quando pela primeira vez você falou sobre o ACIO e a sua missão secreta, e que você estava fugindo e temendo por sua vida. . . Eu pensei que o ACIO era algo diabólico, um tipo de organização que queria controlar o mundo. Então fico sabendo da quantidade de dinheiro que vocês ganham e começo a imaginar um bando de intelectuais esnobes, dirigindo um Mercedes Benz à prova de balas e vivendo em mansões suntuosas. . . e você acabou de desmantelar essa minha imagem. Você a destruiu completamente. Então do que você tem medo "?


Dr. Anderson: " O Grupo Labirinto, por causa de sua ligação com o ACIO, ainda é muito conectado com a rede secreta de organizações que controlam o mundo financeiro e os ativos dos recursos naturais. Esta rede de organizações saberá sobre minha deserção no momento que estes materiais que lhe dei, ganharem visibilidade na imprensa ou na Internet. Eles reconhecerão sua autenticidade simplesmente lendo estas duas entrevistas. Eles não podem fazer nada contra o ACIO ou Grupo Labirinto, mas podem tornar minha vida muito difícil.


" E eles definitivamente tentarão. Sei tudo sobre suas tecnologias e como eles as utilizam. Sei quem são as pessoas atrás dessas organizações e sei como eles operam. O que lhe contei é uma parte insignificante, mas o suficiente para que pessoas muito poderosas se sintam incomodadas. É extremamente raro, mas quando executivos desertam, eles são caçados como cães até que são achados e eliminados, ou, se eles ainda forem úteis, suas memórias são seletivamente limpas. Esta uma das realidades terríveis por ter lidado com essas organizações ".

Anne: " Mas você foi apenas um cientista. . . um lingüista. Pelo amor de Deus. Como isso faz com que você seja uma ameaça para estas organizações secretas?


Dr. Anderson: " Fui eu quem criou a Tecnologia de Criptografia para seu sistema de segurança que oculta seus softwares de modelos de prognósticos para as bolsas de valores do mundo. Você pode me ver como um simples cientista, mas meus talentos para lingüística não são os únicos que tenho. Eu também sou talentoso no campo da criptografia (codificação). E dentro do mundo da economia, sou simplesmente o melhor. E este talento foi usado para ajudar certas organizações, e nesse processo, aprendi muito sobre essas organizações e como operam. Isto me torna um risco para a segurança deles.

Anne: " Por que, se o ACIO e o Grupo Labirinto tem tanto dinheiro. . . por que trabalhar com esses grupos nefastos?


Dr. Anderson: " Em primeiro lugar, eles não são maus ou nefastos. Estas organizações são compostas por elitistas bem-educados que talvez estejam preocupados apenas com eles mesmos, mas não são maus. Eles olham para o mundo como uma experiência biológica onde o forte sobrevive, o poderoso prospera, e o discreto controla. Eles gostam de estar no controle da experiência. Eles são altamente controladores, mas não por causa de adulação ou engrandecimento dos seus próprios egos, mas para a causa que acreditam genuinamente que eles são os melhores para tomar decisões sobre políticas que afetam a economia e segurança do mundo.


" Portanto, não confunda controle com más intenções. Necessariamente não é nenhuma coisa nem outra. Esse é o jogo que escolhem jogar. O fato de ganharem somas incríveis de dinheiro, simplesmente faz parte do jogo, mas esta não é a razão porque dirigem a economia do mundo. . . eles querem proteger seu tipo de vida, assim como qualquer um. Só que estão na posição de fazer isso. Eles garantem sua segurança estando no topo da "cadeia alimentar econômica".

CONTINUANDO OU VOLTANDO NO TEXTO

Próxima (12)    Anterior (10)

OBSERVAÇÃO DE E.O.

Em verdade são 13 as páginas deste site referentes às entrevistas com o Dr. Anderson, que correspondem às 5 partes disponíveis no site www.amaluz.com.br (as partes 5, 7, 8, 9 e 10).


Por serem longas as transformei em 13, que mesmo assim continuam extensas. Faltam as quatro primeiras partes originais, de acordo com a publicação impressa, bem como a sexta, que não estão disponíveis no site referido, que tem sido a única fonte existente na Internet, em português. Mesmo assim, o texto remanescente é vasto e permite muito bem a compreensão do contexto do tema e a captação das mensagens essenciais, principalmente porque consistem em perguntas e respostas, onde são retomados temas que estavam nas outras páginas ausentes.


Subdividi em 2 páginas este quarto trecho, que originalmente era a "Parte 9" na revista Amaluz. As páginas que faltam não se acham na INTERNET, em português, até o presente momento. Em inglês, não sei se existem.

ÍNDICE GERAL

Todas as páginas desta seção

FONTE DO TEXTO

(http://www.amaluz.com.br). Publicado originariamente na revista Amaluz, que não mais tem sido editada, embora fosse uma ótima publicação. Fazemos votos de que possa renascer, com a mesma qualidade de antes.




Google
 
Web www.eurooscar.com

www.eurooscar.com - Autor: Euro Oscar - © 2008
Direitos Reservados - Contato: eurooscar@gmail.com


Se veio até aqui por um link externo e não vê o menu fixo à esquerda, clique aqui, para melhor usar e controlar o site.


Página inicial do site