Receitas Veganas Macrobióticas - 15


Alimentos-Medicamentos


Arroz Integral Cru

Tomar um punhado de arroz integral cru, em lugar do café da manhã. Expelireis todos os parasitas dos intestinos, e, em particular, do duodeno.

Se continuardes durante mais alguns dias, ficareis surpreendidos de ver surgir tantos parasitas, às vezes, até pela boca e pelo nariz.

É muito eficiente, porém é necessário mastigar ao menos 100 vezes cada porção.


Sementes de Abóbora
da Espécie Hokkaido

Hokkaido é a região norte do Japão, extremamente fria.

Aquecer bem as sementes desta abóbora.

Salpicar sobre elas um pouco de água salgada ou fritá-las em pouca quantia de óleo e sal.

Pode-se comer como sobremesa, como é costume na China.

É excelente para expelir parasitas, em particular a solitária.


Sal com Gergelim (Gomásio)

Essa mistura também é conhecida como gersal entre os macrobióticos, no Brasil.

Tostar sementes de gergelim.

Só para lembrar a alguém distraído: tostar é aquecer levemente, portanto não se devem torrar as sementes.

Moer cuidadosamente.

Incluir 20% de sal tostado.

Aquecer mais uma vez.

Moer bem a mistura.

Adicioná-la ao arroz, ao pão, etc.

Consumir umas 2 colheres de café por dia.

O gomásio (gersal) deve ser conservado em recipiente de vidro hermeticamente fechado.

É um dos melhores meios de desacidificar o sangue.

Ameixa Salgada (Umeboshi)

São ameixas de origem japonesa, conservadas no sal, pelo menos durante 3 anos.

Todas as familias japonesas tradicionalistas as preparam anualmente.


Anterior (14) | Índice


Fonte

"Macrobiótica Zen - A Arte da Longevidade e do Rejuvenescimento",
de George Ohsawa (pseudônimo de Sakurazawa Nyoiti)


Nota de Euro Oscar (2)

Não aproveitei nesta coleção as receitas com ingredientes de origem animal.


Buscar no Site


Buscar na Web


Home